5

Terapia!

A maioria das vezes me arrependo amargamente por não ter mantido o anonimato desde que criei o blog, mas não tem como, sempre fui uma pessoa muito, perdi a palavra, digamos que minha vida sempre foi um livro aberto, nunca tive problemas em falar o que pensava, ou esconder as coisas, claro que com algumas exceções hahahahha!

Mas enfim o problema é que agora muitas coisas mudaram, e eu preciso ficar cuidando com o que vou escrever, com quem vai ler, e por ai vai...


Faz muito tempo que não escrevo aqui, e como imaginam muitas coisas aconteceram... uma delas é que finalmente voltei a fazer terapia...
Nesse tempo tenho certeza que a decisão mais acertada foi essa... e pra ajudar depois de passar alguns dias procurando uma psicologa, fiquei igual uma louca procurando pelas fotos no google e facebook, afinal eu precisava ir com a cara dela hahaha, coisa de louca mesmo... eu encontrei uma que gostei, e olha estava certa, já na primeira sessão decidi que continuaria com ela!

Gente ter uma psicologa pra chamar de minha é o máximo, toda terça feira sei que em alguém que eu sei que posso contar, literalmente, que posso contar qualquer coisa, que ela vai me ouvir, sem me julgar, que vai me ajudar... Mas enfim, eu optei pela terapia cognitiva, caso alguém queira saber rsrs!

Ela me indicou um livro bem massa, ja estou terminando o nome é " Temperamento forte e bipolaridade", Pois é sou uma pessoa com temperamento bem forte, e agora com diagnostico de bipolaridade, a bipolaridade é em graus, a minha é bem leve, não sei explicar direito, mas tenho psiquiatra de novo dia 27/07, sei que isso tudo explica a minha dificuldade em concluir as coisas! E a mudança tão rápida de humor, de vontade, e a minha vontade de virar hippie, vez ou outra! hahahaha!!!

Mas enfim sobre a terapia, estou numa fase difícil, angustiada, mas estou me encontrando... e agora minhas semanas terminam ou começam nas terças feira, quando vou a terapia!

Semana que passou, foi uma semana muito dificil pra mim, pode parecer besteira, mas foi!
Sempre tento entender todas as pessoas, e seu jeito de ser, sejam elas grossas, sem noção, desligadas, ou enfim, sejam lá como for... eu sempre faço tudo por qualquer pessoa, sem medir esforços, e na maioria das vezes não retribuem isso, e eu nunca ligava, sempre pensava, ahh a fulana é assim mesmo, ahh é o jeito da fulana... mas essa semana, não sei! Fiquei muito chateada, chorei demais, e não falei sobre isso com as pessoas e nem quero falar, e espero que nunca entrem aqui, não leiam, e se lerem façam o favor de não falarem comigo!

Tenho uma prima que sempre considerei minha melhor amiga, sou dinda da filha dela, e ela esta gravida novamente, perguntei a ela diversas vezes o nome da criança, ela me disse as opções mas que n estava definido, ela ia vir pra minha cidade, então no dia 10/07 perguntei novamente se tinha decidido o nome pq queria bordar algumas coisas para o bb e ela me disse que n tinha decidido! No mesmo dia fui falar com a irmã dela, sobre bordados, a irmã dela tb comecou a bordar agora, e a irma dela me disse que estava tentado bordar para o sobrinho "Fulano" e n conseguia, simmm minha gente isso mesmo "Fulano", minha prima já tinha escolhido o nome e não me falou, ok até então pensei, ahh ela pode tá bordando pq minha prima disse que quer esse mas n decidiu! Mas na mesma semana a vó do bb encomendou com a minha mãe uma manta para o bb bordado "Fulano" ééé definitivamente ela já tinha escolhido o nome e não me contou!
Pode parecer a coisa mais besta do mundo, mas pra mim foi muito chato, e me magoou muito, tanto que prefiro perdoar sabe, e nem falar nd sobre isso, fiquei muito chateada pq achei muita, mas muita falta de consideração, desde quando soube o sexo estava esperando o nome para bordar, e ela faz isso! Mas ok, sinceramente esta sendo dificil pra mim, ia bordar umas coisas de presente e minha vontade passou, n senti mais vontade de comprar nd para o bb, fiquei mto chateada!

Depois disso tudo na mesma semana aconteceu outra coisa, esses tempo atras dei uma toalha bordada para o filho de uma amiga, sem pretensão nenhuma, dei pq gosto dele, ela disse obrigada, e ok, mas ai ela esta gravida e ganhou uma toalha bordada de uma outra pessoa amiga dela, ela postou a toalha no face e nas # fez propaganda dos bordados que essa pessoa vende, eu fiquei muito chateada de novo, achei muito chato, fiquei triste sim, e chateada...

Ai na mesma semana fui em uma chácara da família do marido fazer uma festa julina, e tinha um gato lá, eu tinha visto esse gato dia 05/07 ele estava com a orelha com uma ferida, mas n quis me envolver, o gato n tem dono, eu tenho minhas contas pra pagar, ja tenho meus cachorros, meu marido n gosta de gato, mas dia 18 quando fomos na chacara o gato estava com a cabeça toda cheia de ferida, e com um olho que n abria mais, resumindo,  no dia 20 não consegui ficar sem fazer nd e fui la buscar o gato pra levar no veterinário!
340 entre consulta e medicamentos, e o pior não conseguir ngm pra cuidar dele, chorei, chorei o dia inteiro, não pelo dinheiro pq venderia meus bordados até pagar, mas pq sabia q meu marido n gostava de gato, pq não tinha achado um lugar para o gato, pq eu não sabia cuidar de um gato, e pq naquela festa q eu vi o gato tinha umas 30 pessoas, e ninguém se preocupou com o gato, as pessoas espantavam ele pq tava com sarna, alguns falavam que era mais fácil matar, e eu fui a unica que fiquei mal por causa dele, e isso me deixava angustiada, pq eu n queria ser assim, e eu chorei, chorei muito, chorei segunda feira a tarde inteira...
No fim meu marido gostou da Mia, e deixou eu ficar com ela, estou tratando ela esta trancada no banheiro, é um mês de tratamento e depois preciso ver se vai se acostumar com meus cachorros...

Nesses três casos o sentimento que eu tive foi o mesmo, de que eu estou errada, de que eu que não devia ser assim, de que eu me importo demais com as pessoas, faço tudo por todo mundo e ngm faz o minimo por mim! Não faço as coisas querendo que me deem nada alem de pelo menos consideração em troca, eu acho que consideração é o minimo que as pessoas deveriam ter pelas outras... Todo mundo me criticou, dizendo que eu tinha que ter pensado antes de pegar o gato, algumas pessoas acham que sou muito boba, que faço tudo para os outros que por isso que me fazem de idiota, e nessa segunda que passou eu chorei, chorei pelo gato, chorei pelo nome que não me contaram, chorei pelo bordado, chorei por todas as outras vezes que me fizeram esse tipo de coisa, de falta de consideração e eu não chorei, não fiquei triste, dizendo pra mim mesmo : ah fulana é assim mesmo!

Mas como a psicologa diz, não posso mudar as outras pessoas, posso mudar somente eu mesma, não que eu vá me transformar num monstro, mas preciso aprender a lidar acima de tudo com meus sentimentos e depois com a falta de sentimentos e consideração das pessoas!

Infelizmente as pessoas , a maioria, são assim, se você pensa nos outros, tem consideração por todo mundo, até pelos animais, ajuda as pessoas, enfim, se vc se preocupa com tudo, vc é uma exceção as pessoas estão ocupadas demais preocupadas com o proprio umbigo, em tirar suas vantagens, então consideração pra que!

Se todo mundo fizesse terapia o mundo seria melhor, as pessoas seriam melhores!





5 comentários:

  1. Que bom que a terapia está te fazendo bem!!!!
    Infelizmente no mundo em que vivemos o normal é mesmo que as pessoas se importem apenas com o seu próprio umbigo... mas, fico feliz que ainda existam pessoas como vc que se importam com os outros! No final são pessoas como vc que fazem a gente ter esperança no futuro da humanidade! Sei que é muito difícil, mas tente não se importar tanto com aquelas pessoas que não te dão o devido reconhecimento...no fundo, no fundo elas são dignas de nossa piedade! Beijão!!!!

    ResponderExcluir
  2. Marjorie, como vc está sensível, quanta coisa acontecendo ao mesmo tempo, não é mesmo?

    Sobre a história do bordado, fiquei pensando: vc chegou a pensar em algum motivo pra ela não querer te contar o nome? Coisa estranha. Gente, amo mimos pro Isaac...personalizados então! Ele tem uma toalha e dois paninhos de boca que minha sogra fez, sonheeeeeei com uma manta mas não cheguei a encomendar (estive muita apertada de grana!). Se fosse presente, não pensaria dua vezes em agradecer um moooooonte antes mesmo de estar pronto! Então pq será que...? Sabe?

    Sobre a história do gatinho: é triste mesmo. Tudo que envolve bicho aperta meu coração por causa disso, muita gente faz cara de paisagem, não se manifesta, etc. Tento entender que todo mundo tem seus motivos, tem gente que às vezes não se envolve por nem aguentar mais, emocional e financeiramente, e fazer oq...que eles encontrem menos crueldade e mais gente disposta e amorosa como vc!

    Terapia é uma benção, depois da minha vivia dizendo que todo mundo devia fazer terapia ao menos uma vez na vida (por uns anos, hahahahaha). Que sua realmente te ajude...acho que só de poder falar sem julgamentos já é meio caminho andado!

    Cuide-se!
    Bjos.

    D.
    https://desejodebebe.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  3. Faça o bem sem olhar a quem .. é o que dizem ne.
    Seja você, faz o que tiver vontade de fazer, se isso te deixa feliz. Sei que é chato quando nao somos retribuidos, ou quando nao veem nosso querer em fazer e querer em deixar bem.. mas fazer o que. Seja voce sempre, independente do mundo. Mas claro, conhecendo quem esta ao seu lado !
    Beijo grande, e procura ficar bem :*

    www.vireimamis.esy.es

    ResponderExcluir
  4. Querida, que fase, né?
    Na igreja sempre ouço falarem que se sua vida está tudo linda, sem nenhum problema, é porque tem alguma coisa errada. Quanto maior a luta, maior será a nossa vitória. Cada um passa por momentos difíceis na vida, uma hora tá bom, uma hora tá ruim. O que importa é encarar os desafios e confiar em Deus, porque nos seres humanos eu já não acredito mais. Sabe, eu tb cansei de muitas amizades e de pessoas que só eram minhas amiga na minha frente. Hoje, eu não faço mais questão de ser amiga de ng. Tenho poucas e boa amizades e do resto não quero mais saber. Acho que a terapia irá te ajudar muito, eu nunca fiz, mas sempre ouço falar muito bem! Logo, logo vc está vendo estes probleminhas com outros olhos!

    Quanto ao gatinho, eu faria o mesmo que vc. Não consigo ficar sem faze nda numa situação destas e tb não me conforme com o comodismo das pessoas. Morrem de dó, mas não fazem nda pra ajudar!
    No que precisar de dicas, estou à disposição. Sou gateira de carteirinha. Não sei se vc já teve gatos, mas são ótimas cias. Meu marido também não gostava, hoje ele não vive sem a nossa!

    Acho q escrevi demais!
    Fique bem, tá?
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oii Marjorie, eu tbm procurei um psicólogo mas comigo não deu muito certo não, achei a consulta muito estranha, ele só quer que eu fale mas eu nem por onde começar.. Acho que não tive sorte mesmo, mas no meu caso já passou minha fase depre então acho q nem vou mais..
    Eu tbm percebo atitudes de algumas pessoas (maioria próximas) que não sei se é proposital ou se realmente fazem sem perceber.. Talvez seja essa nossa fase de tentante que nos deixe mais sensíveis e acabamos ficando tristes mesmo.. Mas coloquei na minha cabeça que são fases, parar de olhar p/ outros, tentar focar na minha vida e marido e com o que realmente importa. To torcendo por vc!!
    Ahh, e obg pelas dicas, marido vai fazer o espermograma de kruger no início do próximo mês, não vejo a hora de começar logo os procedimentos!!

    Bjão

    http://cheirodemilagre.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu cometário!! Volte sempre!